Criar uma Loja Virtual Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
1





Partilhe este Site...

jesus e sua igreja espiritual

 



Total de visitas: 46097
POR QUE TEMER ROMA?
POR QUE TEMER ROMA?

Roma assusta vocês católicos?

Por que Roma, por que tanta admiração por Roma, por que este respeito exagerado por Roma, quem é Roma, Roma não assusta ninguém e por fim por que Roma?

 

Roma na verdade era só mais um país, um Império como tantos outros que apareceram antes dele, como os babilônios, Persas etc...A Roma no tempo de Jesus era o poder cercada pelo seu exército. Roma era respeitada por sua blindagem de cavalaria e pelo seu grande poder político. Roma na verdade era temida por todos.

                           

                   CATÓLICOS VOCES QUEM TROCAR ROMA POR JESUS CRISTO?

A igreja de jesus não tem nada a ver com a igreja católica Romana. JESUS MANDOU AMAR E NÃO MATAR.

                       

 

                                       

Foi por causa de Roma que o maior de todos os profetas teve a sua cabeça cortada

          

e mandou executar muitos dos cristãos, enforcados, ao fio da espada e nas arenas devorados pelos leões. Como não temer Roma?

Jesus Cristo no entanto encarou Roma de frente e disse: Vai lá e diz aquela raposa que eu curo os doentes, abro aos olhos dos cegos e no terceiro dia ressuscitarei. Jesus Cristo disse a pilatos: Nenhum poder tem sobre mim, isto é: Roma não tinha nenhum poder sobre Jesus.

Assim como Deus levantou Faraó do Egito, levantou também Roma para Deus mostrar o seu poder sobre toda a terra.

Roma era politeísta adora aos deuses pagãos e até seus Imperadores eram aclamados como deuses. Roma se achava do mundo , Roma era o poder. Calígula, Herodes, Diocleciano e tantos outros colocavam terror aos cristãos. Por muito tempo dos selotes travaram guerras contra os Romanos.

Jesus não temeu Roma e foi para Jerusalém, cidade de Poncios Pilatos, para se entregar para aqueles que se achavam donos da verdade. Por que temer Roma?

Por fim pela vontade de Deus Roma condenou Jesus a sentença de morte por crucificação. Roma era o poder.

A vida cristã continua e todos os apóstolos tiveram a mesma sorte e Roma era o poder.

Houve grandes perseguições aos cristãos por Roma por que Paulo era fariseu, tinha título de cidadão romano e odiava aos cristãos, entrando nas casas e executando os cristãos.

Por fim os cristãos tinham medo de Roma e nem sonhavam que Roma poderia ser a sede da igreja de Jesus. A única coisa que Jesus disse era para que pregassem o evangelho ao mundo inteiro e inclusive Roma.

Muitos Romanos foram se convertendo, aceitavam a Jesus como o filho de Deus acreditaram na sua ressurreição. Mas por que acreditavam? Por que não entendiam como aqueles fanáticos malucos iriam morrer por alguém que não ressuscitou. Aquela postura da igreja cristã(os cristãos) despertou o interesse pela fé de muitos Romanos e gentios do mundo inteiro.

O poder de Roma estava se entrando aos poucos a fé cristã até que lá pelo quarto século o Governo resolveu oficializar a religião do seu Reino “o cristianismo”. Aquela Roma poderosa se rendeu aos braços de Jesus.

Neste período de constantino a igreja de Cristo(os cristãos), já tinham se espalhado por todo o Império Romano, não tinham como conter o avanço do cristianismo e Roma se abraçou a eles.

Os doze apóstolos de Jesus já não existiam, nenhum dos seguidores presentes naquela época tinham em mente em focalizar Roma para que esperassem uma profecia prometida a Pedro ainda no primeiro século, igual aquela que Jesus mandou esperar em Jerusalém a promessa do pai. Nenhum cristão esperava uma promessa de templo para Roma.

As coisas foram acontecendo naturalmente sem que despertasse nos cristãos algo parecido de uma promessa de um templo erguido para os cristãos a partir de Roma. Os cristãos não tinham nenhum cuidado especial, nenhum vínculo por Roma a não ser levar a palavra a eles como levaram ao mundo pagão.

O que aconteceu: Roma depois que oficializou o cristianismo, levou a religião cristã e uniu ao seu governo, isto é: ROMA DAVA AS CARTAS, ROMA DAVA AS ORDENS. Começava ali um novo cristianismo nas mãos de Roma. Uma bagunça de hereges infiltrava no meio cristão e Roma decidiu convocar concílios. Roma transformou o amor de Jesus em matanças. ROMA ERA O PODER. ROMA mandou matar os hereges, aqueles que não concordavam com as suas regras cristãs, se envolveu na ciência mandando matar aquele que entendia que a terra não era o centro do universo. ROMA ERA O PODER RELIGIOSO E POLÍTICO. ROMA CRIOU UMA RELIGIÃO/ESTADO.

Roma mandou executar 30.000 cristãos cátaros, albigense que não concordavam em muita coisa que a igreja católica determinava. Para lá mandou 300.000 mil homens e matou todos eles. ROMA ERA O PODER, ROMA ERA O PODER.

Depois vieram os escândalos, venda de indulgências, pedofilia, os privilégios a serem papas eram dados aos parentes, regalias fortunadas a ponto de os católicos se separarem vindo primeiro a ortodoxia do oriente e depois com o protestantismo. Toda esta divisão surgiu dentro do cristianismo da Igreja/Estado Romana. O papa alguns anos atrás em plena rede de televisão pediu desculpas ao mundo inteiro pela conduta dos católicos.

MESMO ASSIM ROMA ERA O PODER, ELA SE ACHAVA NO PODER E PROSSEGUIU COM ESTE PODER RELIGIOSO ATÉ HOJE.

 

Os católicos Romanos de Hoje ainda abraçam este PODER DE ROMA e esquecem que a verdadeira igreja de Jesus não é a Igreja/Estado de Roma.

 

A igreja de Jesus é alegria, gozo e paz no Espírito Santo. A Igreja de Jesus é santa, una e imaculada.

 

Observa-se ainda hoje que aquela herança do PODER ROMANO contagiou a muitos dos seus fiéis que continuam com esta imagem na sua mente. ROMA é a verdade, Roma é a igreja de Jesus, Roma foi a escolhida, Roma foi prometida a Pedro, Roma é a primeira, QUEM É ROMA?

 

O Imperador Romano perguntou a Jesus: Então tu é s Rei? Jesus Respondeu: Sim para isto vim ao mundo. Logo Jesus era o poder e não os reis de Roma.

 

Este poder de interpretar as escrituras como fazem a igreja católica Romana, surgiu exatamente a partir do quarto século. Eles queriam organizar o cristianismo que achavam estar uma bagunça e começaram as interpretações Romanas. Afinal, o cristianismo tinha caído nas mãos do PODER ROMANO.

 

SALVE ROMA, SALVE ROMA, ROMA ERA O PODER.

 

Por fim aquela montagem que os católicos dizem que a igreja nasceu católica é muito contraditória, porque nenhum cristão durante os primeiros séculos dizia que era católico. Eu pergunto: Católico de quê, já que a palavra católico indicava que um grupo de pessoas pertenciam a uma comunidade religiosa. Para eu dizer que sou católico, eu precisaria me identificar que grupo católico eu pertencia. Logo aqueles cristãos não iriam dizer que eram católicos de Roma e sim católicos de Jesus Cristo. Por que eles iriam dizer que eram católicos de Roma se a universalidade era para todos. O que Jesus disse: Ide por todo o mundo e não só a ROMA.

 

MAS ESTA CONDUTA CATÓLICA ROMANA É UM INSTINTO MENTAL DEIXADO POR CAUSA DO PODER DE ROMA.

 

PARA TERMINAR EU DIGO;

 

EU SOU DA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA DE JESUS CRISTO(UNIVERSAL PARA TODOS. JESUS PARA TODOS) E NÃO DA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA DE ROMA.

PENSE BEM: VOCE É DA IGREJA DO PODER DE ROMA OU DO PODER DE JESUS CRISTO?

                             

 DEUS TE ABENÇOE VOCE QUE PERTENCE A IGREJA CATÓLICA UNIVERSAL DE JESUS CRISTO.